Que transborde nós dois

18.8.17


Você costuma aparecer com esse sorriso estupidamente lindo e essa é uma das coisas que mais me irrita. Beira a arrogância saber que as portas do meu coração estão sempre abertas para você. Afinal, você me conhece melhor do que ninguém. Talvez melhor do que a mim mesma. Eu odeio isso. Odeio me sentir vulnerável. Andando em uma corda bamba, sem equilíbrio nenhum. Sem saber para onde cair, onde atirar, onde me segurar.

Sempre tive pavor quando as minhas amigas me falavam sobre os relacionamentos montanha russa que viviam. Achava tão sem sentido se desfazer em pedaços por alguém. Tão dramático se desmanchar em lágrimas. Tão cansativo viver que nem uma boba apaixonada. Porque lá no fundo, é isso que as pessoas apaixonadas são. Bobas, ansiosas e impulsivas.

Eu só nunca entendi como isso funcionava. Todo mundo sabe que o meu coração sempre guardei à sete chaves. Toda a minha força externa, toda a minha indiferença, tudo isso que acreditei sempre fazer parte de mim, na verdade não passavam da última camada de tinta.

O que são as pessoas se não demãos e mais demãos de tintas? Toda a minha rigidez superficial era apenas uma máscara. A última demão. As minhas muralhas, como alguns costumam dizer. As minhas barreiras, minhas defesas, mas não a minha essência.

Por isso detesto esse seu sorriso e olhar astuto. Faz-me sentir despida, quando nunca estive tão coberta. Frágil, insegura, sensível, vulnerável. Nada me assusta mais do que a forma como consegue enxergar a minha essência. Mas ao mesmo tempo nunca quis tanto me atirar de uma corda bamba. Sentir as borboletas crescendo no estômago. Deixar a certeza de lado para ser nada mais e nada menos do que uma boba apaixonada.

 A única diferença é que eu não quero me desfazer. Não quero me desmanchar. Eu quero é que transborde nós dois.

.

Gostou do post? Não se esqueça de assinar a nossa newsletter na lateral do blog. É só preencher o campo do e-mail e pronto, saberá quando tem conteúdo novinho por aqui<3


Vem ler também...

0 comentários

Google+

Favoritos

Arquivo do blog

Subscribe